Máquina de cartão de credito para autônomo e pessoas físicas

Máquina de cartão de credito para autônomo e pessoas físicas

Maquina de cartão para pessoa física – Nos dias atuais o uso de máquina de cartão de crédito e/ou débito para autônomos pesasse tornou algo essencial para alavancar os pequenos negócios, afinal são poucos os que andam com dinheiro na carteira para pagar as compras, tanto por uma questão de comodidade, como por questão de segurança.

Até pouco tempo atrás somente comércios com CNPJ poderiam solicitar uma máquina de cartão, pois era preciso possuir uma conta empresarial e que o banco distribuísse a maquineta em parceria com alguma outra empresa. Com o crescimento do serviço autônomo, grandes empresas como a Pag Seguro, observaram que havia uma grande demanda de trabalhadores, que não tinham acesso as maquininhas de cartão, mas que giravam uma boa parte da economia.

Hoje diversas empresas de cartões, além dos planos para pessoas jurídicas, também oferecem opções para pessoas físicas. Só é necessário apresentar alguns documentos, ter uma conta corrente e comprar a maquininha.

Você que possui um salão de beleza, feirante, taxista, dono de loja de pequeno porte, vende artesanatos, etc, já pode começar a pensar em oferecer uma opção a mais de pagamento, para alavancar o seu negócio autônomo.

Neste artigo além de algumas dicas, você também irá conferir o TOP 3 das melhores máquinas de cartão de crédito para autônomos.

A indústria do cartão de crédito

Os pagamentos através das maquinetas envolvem diversos serviços. E para que o seu pagamento chegue até a conta, existem os seguintes termos para  estas transações:

  • Portador
  • Fornecedor
  • Provedor
  • Emissor
  • E a empresa responsável pela bandeira

O portador nada mais é do que seu cliente, aquele que realiza o pagamento com o cartão. Já o fornecedor é você, ou seja, aquele que oferece o serviço. O provedor é a empresa que disponibiliza o serviço de pagamento com o cartão, é a responsável por oferecer os equipamentos (as maquininhas) e por manter o contato entre o fornecedor e a bandeira do cartão.

O emissor é qualquer instituição financeira que é a responsável por aprovar as transações e estipular regras de limites, taxas, juros, emissão de faturas e outros.

E por fim, não menos importante, a indústria dos pagamentos por cartão de crédito dependem das chamadas “bandeiras”. As bandeira são responsáveis por realizar as transações entre o fornecedor e a financeira emissora do cartão. No Brasil algumas das mais importantes são a MasterCard, Visa, Diners, American Express (Amex), a Hipercard e mais recentemente a Elo.

Principais vantagens das máquinas de cartão de crédito/débito para pessoa física

Como esse tipo de transação conta com diversas vantagens para o fornecedor autônomo, reunimos algumas das principais para apresentar para você:

  • A principal vantagem é que não é preciso ser pessoa jurídica, ou seja, possuir CNPJ
  • Existem maquinetas fixas, através do celular (app) e também as com chip (Móveis)
  • Para ter acesso  só é preciso ter uma conta corrente individual (outras como conjunta, poupança, investimento, benefícios, etc não são válidas)
  • As taxas são mais baixas que as de grandes bancos, ou para CNPJ
  • As maquinetas oferecem parcelamento de duas a seis vezes. Conforme a utilização, o parcelamento pode ser estendido para doze vezes.
  • Antecipação de vendas inclusa (desde que oferecido pela operadora).
  • A máquina normalmente é sua, você paga o valor da máquina e fica livre do aluguel. Só a porcentagem que é descontada cada vez que ocorre uma venda, como em outras maquinetas.

Entre outras vantagens conforme a máquina que você adquirir.

Como solicitar uma máquina de cartão de crédito/débito para autônomo?

Primeiramente é preciso abrir uma “conta” na empresa responsável pela maquineta. Por exemplo, você optou pela maquininha do Pag Seguro, é preciso primeiro criar uma conta no PagSeguro, para só então solicitar a máquina.

Então será necessário incluir alguns dados pessoais, como CPF, número da conta bancária, nome, endereço e outros. Por mais que seja algo bem pessoal e mais “fácil” de se obter, a empresa precisa conhecer um pouco mais sobre você para poder enviar a máquina.

Algumas solicitam que você informe qual a operadora de telefonia que melhor atende a sua região, para que o chip seja dela. Isso para as máquinas móveis. Já outras oferecem cartões pré pago da própria empresa. A solicitação varia um pouco.

As 3 melhores máquinas de cartão de crédito para autônomo

Atualmente são várias as opções de maquinetas para autônomos, mas nós escolhemos três para apresentar a vocês:

  • Primeira – Moderninha Pro

Ela conta com recibo impresso, conexão Wi-Fi, cadastro online, cartão pré pago, GPRS, não possui taxas extras e oferece mais cartões. Só não é possível acessar o saldo na conta bancária através da máquina.

Ela é hoje uma das mais completas do mercado, pois não é preciso celular para efetuar as transações, aceita cartão com tarja, opção com chip e NFC para débito e crédito. A máquina aceita cartões VR, Sodexo, Ticket e também efetua parcelamentos. Para aqueles que gostam de emitir o comprovante da compra, ela imprime o recibo e envia por SMS os dados da compra. Os dados são processados através da conexão GPRS ou por Wi-Fi. E quem adquiri-la, conta com um aplicativo de funções, onde é possível ter um controle melhor sobre as vendas, com estatísticas e outros.

Entre as bandeiras aceitas pela Moderninha Pro, estão os cartões de débito das bandeiras Maestro, Visa Electron, Elo, Banricompras, Cabal e dos cartões de crédito as bandeiras Visa, Mastercard, Hipercard, Elo, Cabal, American Express e Diners Club.

A maquineta conta com 5 anos de garantia e possui taxas competitivas do mercado. O valor total da máquina atualmente está a partir de R$ 778,90, ou parcelamento em até 12x de R$ 64,90. Os valores das vendas caem diretamente na conta do PagSeguro, não sendo necessário ter conta corrente. Para aqueles que desejam que os valores caiam diretamente na conta, infelizmente será necessário passar os valores para o Pag e só de la transferir para o banco.

Taxas Moderninha PRO

Débito: Saldo em 24h com taxa de 2,39% sobre a venda
Crédito (chip): Saldo em 1 ou 30 dias. Taxa de 4,99% ou 5,59% + 2,99% ao mês para recebimento em 1 dia ou taxa de 3,19 à vista ou 3,79% + 2,99% ao mês para recebimento em 30 dias.
Crédito (tarja): Saldo em 30 dias corridos de 3,59% à vista ou 4,99% + 2,99% ao mês

No caso dos cartões refeição, as taxas deverão ser negociadas com o cartão. Leia mais sobre a Moderninha.

Confira todos os detalhes e solicite a sua acessando: https://pagseguro.uol.com.br/campanha/oferta-moderninha-pro-do-pagseguro.html?cmpid=af-moderninha-pro

  • Segunda – SumUp Super

Só as maquinetas do PagSeguro são 4 e não é justo falarmos somente delas. Uma ótima opção de mercado para autônomos que desejam obter uma maquininha de cartão é a empresa SumUp, com sua máquina Super.

Esta é uma ótima opção com cartão pré-pago, funcionamento via Wi-Fi, GPRS, Cadastro Online, é possível verificar o saldo na conta bancária e também não conta com taxas extras.

Ela, porém não conta com impressão de recibo e mais cartões.

Para quem está em busca de uma maquininha de cartões bem prática e funcional, a SumUp Super oferece o recebimento do saldo das vendas diretamente na conta bancária, diferente da Moderninha Pro, que cai primeiro na conta do PagSeguro e depois é necessário pedir transferência. A empresa também não cobra taxas extras sobre as operações, exceto as “tradicionais” sobre a venda realizada.

Quem não possuir conta bancária, poderá optar pelo cartão pré-pago, onde o saldo é disponibilizado nele e você usa como quiser no dia a dia.

Entre os cartões aceitos pela SumUp Super estão as bandeiras Mastercard, Visa, Visa Electron, Maestro, Hiper, HiperCard e Elo. Porém esta maquina não aceita nenhum tipo de bandeira de cartão refeição.

Para comprar uma SumUp Super, os valores estão a partir de R$ 226,86, com opção de parcelamento em até 12 vezes de R$ 18,90. A garantia da máquina é de 10 anos, o dobro da Moderninha Pro.

Taxas SumUp Super

Débito plano Econômico: Saldo em 2 dias úteis com taxa de 2,3% sobre a venda
Débito plano Antecipado: Saldo em 1 dia útil no banco ou 2 dias úteis no cartão pré pago, com taxa de 2,3% sobre a venda
Crédito plano Econômico: Taxa de 3,1% à vista ou 3,39% a cada 30 dias.
Crédito plano Antecipado: Taxa de 4,6% no crédito à vista ou 4,6% (taxa inicial) + 1,5% por parcela. Pagamento em um dia útil no banco ou dois dias úteis no cartão pré pago.

Confira todos os detalhes e solicite a sua acessando: https://sumup.com.br/maquina-de-cartao/prospecting-mobile-transaction-super

  • Terceira – Minizinha Chip

Esta é hoje a opção mais prática e econômica do mercado para autônomos. A Minizinha Chip é também da empresa Pag Seguro.

Ela não conta com recibo impresso, os dados vão direto pro celular do cliente. Não oferece saldo em conta bancária e também não conta com taxa extra. Ela funciona através de Wi-Fi, GPRS, permite cadastro online e oferece mais cartões pré-pagos

A maquina com chip dispensa o uso do celular, pois conta com um pacote próprio de dados, sendo bem interessante com relação as opções atuais de mercado. Ela é bem compacta e é ótima para quem possui um pequeno comércio.

Por ser básica, ela conta com uma bateria que dura menos do que as outras, havendo a necessidade de ficar mais tempo na tomada ou utilizada poucas vezes durante o dia.

Os cartões aceitos pela Minizinha Chip são as opções Elo, Visa, Hipercard, Hiper, Cabal, Amex, Mastercard, Diners, Banricompras, Sodexo, Alelo, VR e Ticket. Uma das grandes vantagens é que ela aceita os cartões refeição.

Para poder passar os cartões com tarja, será necessário utilizar o aplicativo da minizinha, que deverá estar instalado no seu celular.

A máquina conta também com uma garantia de 5 anos e o valor da máquina é de R$ 238,80 ou até 12 vezes de R$ 19,90.

Taxas Minizinha Chip

Débito: Saldo em 24h com taxa de 2,39% sobre a venda
Crédito (chip): Saldo em 1 ou 30 dias. Taxa de 4,99% ou 5,59% + 2,99% ao mês para recebimento em 1 dia ou taxa de 3,19 à vista ou 3,79% + 2,99% ao mês para recebimento em 30 dias.
Crédito (tarja): Saldo em 30 dias corridos de 3,59% à vista ou 4,99% + 2,99% ao mês

No caso dos cartões refeição, as taxas deverão ser negociadas com o cartão.

Confira todos os detalhes e solicite a sua acessando: https://pagseguro.uol.com.br/para-seu-negocio/presencial/minizinha-chip

Além destas, existem outras boas marcas no mercado, como a Mercado Pago Point 1, a Moderninha Plus, a Cielo, Payleven, Redecard e outras que atendem ao público considerado autônomo. Já aqueles que contam com contas empresariais, boa parte dos bancos já possuem suas próprias maquinetas conveniadas.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *